- Esconder menu

À bordo do Cisne Branco

Histórico

Batizado de navio veleiro “Cisne Branco”, a embarcação teve sua construção baseada nos projetos dos últimos “Clippers” do século XIX. O nome “Clipper” deriva do verbo inglês “To Clip”, que significa mover-se rapidamente. Foi usado genericamente, para batizar uma casta de embarcações longas e estreitas, inventadas no século passado, com missão de superar a lentidão das antigas embarcações com propulsão à vela.

O “Cisne Branco” foi construído baseado na idéia de que tivesse todos os sistemas de tecnologia avançada, realizando, porém, todas as manobras de convés e vela exatamente como ocorriam no século XIX, mantendo assim as mais antigas tradições de marinharia.

Em 2000, o navio participou das comemorações relativas aos 500 anos de descobrimento do Brasil, realizando a travessia do Oceano Atlântico exatamente como Pedro Álvares Cabral havia feito. Além de ser um dos motivos para a aquisição do navio, foi um bom exemplo de como o navio pode ser utilizado para desenvolver e promover as tradições navais brasileiras.

O “Cisne Branco” também é utilizado para o treinamento de todo o pessoal em formação na Marinha do Brasil, principalmente os Aspirantes da Escola Naval. Também podem embarcar alunos das Escolas de Formação de Oficiais da Marinha Mercante.

Fonte: Tudo na Hora

 

Bjim

Aline Lima

Deixe seu comentário